Seis jogadores do elenco do Fluminense encerram contrato em 2023; confira a situação de cada um


Dos cerca de 30 atletas do plantel tricolor, seis deles vivem seus últimos meses de contrato em vigor com o Fluminense com futuros indefinidos

17 ago
2023
– 09h06

(atualizado às 09h06)




Foto: Esporte News Mundo

Dos cerca de 30 atletas do plantel tricolor, seis deles vivem seus últimos meses de contrato em vigor com o Fluminense com futuros indefinidos. Alternando entre titulares, reservas e “esquecidos”.

A temporada vai se afunilando e o Fluminense chega à uma época de decisões, tanto em campo, quanto fora dele. Dois titulares de Fernando Diniz possuem contrato com o clube até o fim de 2023, coincidentemente, os mais velhos do elenco: Fábio e Felipe Melo. Além destes, Lelê, bastante utilizado no ano, também possui vínculo por apenas mais quatro meses.

Há também a ala dos “esquecidos” no plantel, que consta com três jogadores que não devem continuar no clube para 2024: Giovanni Manson, Caio Vinícius e Jorge. Juntos, os três possuem menos de sete partidas no ano, e foram preteridos muitas vezes por atletas improvisados na posição, o que demonstra a falta de confiança do técnico. Confira a situação detalhada de cada um:

Fábio (42)

Um dos destaques do Fluminense na temporada e considerado por muitos o melhor jogador do elenco no ano, o goleiro Fábio possui contrato apenas até o fim de 2023. Mesmo possuindo uma idade elevada para os padrões do esporte, o clube já formalizou proposta de renovação por mais dois anos, até 2025. A tendência é de que o arqueiro aceite e encerre a carreira no tricolor.

Felipe Melo (40)

Volante de origem, Felipe Melo recuou e passou a ser titular na zaga junto a Nino, contando com grande confiança de Fernando Diniz para desempenhar a função, e mesmo com a chegada de Marlon continua no posto. Por também ter uma idade alta, a diretoria ainda não se manifestou para renovação de contrato, e há bastante calma para isso, já que Felipe deve encerrar sua carreira no clube.



Foto: Mailson Santana / Esporte News Mundo

Lelê (25)

Destaque e vice-artilheiro do Campeonato Carioca deste ano, o atacante Lelê foi muito disputado por Vasco e Fluminense, e acabou acertando sua ida ao tricolor. De lá pra cá, atuou em 17 dos 19 jogos do Brasileirão e em 6 partidas da Libertadores; sua utilidade é muito bem vista por Diniz. Para renovar o contrato de Lelê, o Fluminense precisará desembolsar R$ 4 milhões por 80% do passe do jogador ao Itaboraí Profute.

Giovanni Manson (21)

Sem atuar há três meses, Giovanni foi achado nas categorias de base do Ajax, da Holanda, mas até aqui não vingou no Fluminense. O jovem meio campista foi utilizado por Diniz no início do Campeonato Carioca e teve atuações razoáveis, mas desde então praticamente não entra mais. Vale lembrar que Giovanni não tem mais ligação com o Ajax, então caso o tricolor queira renovar, será sem custos.

Jorge (27)

Contratado no início do ano para sanar o “fantasma” da lateral esquerda, Jorge teve bastante azar no Fluminense. Após poucos jogos no Carioca, o camisa 6 se lesionou gravemente no joelho em um treinamento em Março, e até hoje não tem sequer previsão de volta. Além disso, enquanto se recuperava, Jorge foi visto por tricolores em bares e baladas supostamente bebendo álcool, o que irritou a torcida que já não tinha muito afeto, com razão. O lateral não seguirá no clube em 2024.

Caio Vinícius (24)

Um dos casos mais misteriosos do Fluminense em 2023, Caio Vinícius simplesmente não dá nenhum sinal de que voltará a vestir a camisa do clube, porém, também não é negociado. Além de não treinar com o grupo, o volante – que fez boa temporada no Goiás em 2022 – não aparece em nenhuma postagem em redes sociais. Caio chegou a ser procurado pelo Internacional no início do ano, mas o negócio não foi pra frente. É mais um que deve dar adeus ao tricolor no fim desta temporada.



Source link

Leave a Comment