Equador: quem era Fernando Villavicencio, o “valente” candidato presidencial vítima de “um execrável assassínio” a dez dias das eleições?


No dia em que foi assassinado a tiro à saída de um comício em Quito, o candidato presidencial Fernando Villavicencio tinha partilhado no twitter os resultados de uma sondagem eleitoral que o colocavam em segundo lugar nas eleições de 20 de agosto.

Numa mensagem curta e direta, escrita com a experiência do jornalista habituado a poupar nas palavras, Villavicencio dava um sinal de esperança aos seus apoiantes : “URGENTE| Estes são os resultados da sondagem presidencial realizada pela #Cedatos, a 6 de agosto de 2023. Luisa González 26%, Fernando Villavicencio 13,5%, Jan Topic 10,2%, Yaku Pérez 10,1%, Otto Sonnenholzner 8,1% ”.

Artigo Exclusivo para assinantes

Assine já por apenas 1,63€ por semana.

Já é Assinante?
Comprou o Expresso?Insira o código presente na Revista E para continuar a ler



Source link

Leave a Comment